Vale muda Comitê Executivo e cria novas vice-presidências

03/01/2023
No novo formato do Comitê foi criada a Vice-Presidência Executiva de Soluções de Minério de Ferro, que ficará sob a liderança de Marcello Spinelli.

 

A Vale anunciou que o seu Conselho de Administração aprovou um novo desenho do Comitê Executivo da companhia, visando aprimorar o “aprimoramento e inovação em produtos e soluções de alta qualidade para a transição energética global”. 

No novo formato do Comitê foi criada a Vice-Presidência Executiva de Soluções de Minério de Ferro, que ficará sob a liderança de Marcello Spinelli e que foi criada para “acelerar o desenvolvimento de produtos e de soluções inovadoras em minério de ferro e o aperfeiçoamento da estratégia de marketing para nosso portfólio, com criação de valor substancial aos clientes, acionistas e sociedade no processo de descarbonização”.  

Também foi criada a Vice-Presidência Executiva de Operações, com vistas a acelerar a implementação do modelo de gestão Vale no negócio de Minério de Ferro e que ficará sob a liderança de Carlos Medeiros. “Com a gestão das operações de mineração, pelotização e logística, a área irá aprofundar a padronização de processos e promover mais segurança, estabilidade operacional, flexibilidade e eficiência crescentes para a produção”, informa a Vale.  

Outra Vice-Presidência criada é a Executiva de Projetos, para apoiar o desenvolvimento e a longevidade do portfólio da empresa, tendo como líder Alexandre Pereira. A área estará exclusivamente dedicada à implementação de projetos-chave ao plano estratégico da Vale. 

Visando reforçar a segunda linha de defesa e o modelo de gestão de riscos da Companhia, além de impulsionar a jornada de excelência técnica, é criada a Vice-Presidência Executiva Técnica. “A área incorpora as atribuições da atual Vice-Presidência Executiva de Segurança e Excelência Operacional e recebe atribuições adicionais, como exploração mineral e inovação operacional, aumentando a concentração de competências técnicas. Rafael Bittar, atual Diretor de Geotecnia, assume a posição. Rafael juntou-se à Vale em 2019 e tem avançado com excelência no aprimoramento do modelo de gestão de barragens e rejeitos da Vale.  Engenheiro civil e geotécnico com cerca de 20 anos de experiência em mineração, tem conhecimento robusto sobre operações e gestão geotécnica”, esclarece a companhia.   

Em razão das mudanças, a Vice-Presidência Executiva de Estratégia e Transformação de Negócios, que era ocupada por Luciano Siani Pires -- que está deixando a companhia --  deixa de existir a partir de janeiro de 2023.