Plataforma ajuda no retorno ao trabalho presencial

04/08/2021

A RHI Magnesita solicitou à BHS, especializada em estratégias de TI, ajuda para desenvolver uma solução para migrar os cerca de 500 funcionários da sede de Contagem (MG) para o trabalho remoto. Após a transferência para o home office, a companhia precisava garantir o retorno seguro dessas pessoas para o trabalho presencial. Para isto, modificou sistemas de filtro dos aparelhos de ar-condicionado, instalou tapetes sanitizantes, além de disponibilizar álcool 70% e obrigar uso de máscaras, além de manter o distanciamento entre as pessoas.

Após análise das necessidades e particularidades da empresa, a RHI Magnesita concluiu que seria necessário gerenciar melhor os espaços físicos da companhia, solicitando novamente o apoio e expertise da BHS, que criou o BHS Booking. Com a Power Platform e o Microsoft 365, o aplicativo do Booking permite verificar a disponibilidade de mesas, salas de reunião e até vagas de garagem, possibilitando agendar previamente toda a estrutura que cada pessoa vai usar naquele dia de trabalho.

A BHS desenvolveu também para a RHI Magnesita um sistema de check-in nas mesas, utilizando um QR code, de forma que a equipe de segurança patrimonial soubesse exatamente quantas e quais pessoas estão efetivamente utilizando os espaços físicos da companhia. Além disso, na primeira tela após o login, o usuário responde algumas perguntas sobre o seu estado geral de saúde e, caso exista algum fator de risco de contaminação pelo novo coronavírus, é encaminhado para cancelar as reservas feitas e é recomendado a ficar em casa pelos próximos dias.

O BHS Booking permite acompanhar como os colaboradores estão utilizando os espaços disponíveis para otimizar o espaço no período de retomada. Além disso, todas as funcionalidades do aplicativo foram personalizadas de acordo com o espaço físico real da RHI Magnesita, incluindo a planta do escritório com os números das mesas. “Com o retorno das atividades presenciais para dentro dos escritórios, a capacidade desses espaços, que antes suportavam um número de rotatividade maior de pessoas, hoje precisa ser fracionada, tendo em vista o cenário atual”, ressalta o CEO da BHS, André Xavier.

O sucesso com a plataforma em Minas Gerais fez com que a RHI Magnesita decidisse levá-la para a unidade Europa. A sede, em Viena, vai receber um projeto piloto do aplicativo. Inicialmente, compreenderá um andar do edifício e, depois, todo o prédio. A BHS também já fechou contratos para desenvolvimento da interface com a empresa alemã Behringer, além das brasileiras Localiza e da Potencial Seguradora.