01/06/2017
TREK MINING

Obras em Aurizona começam ainda em 2017

Avaliando os resultados do primeiro trimestre de 2017, a Trek Mining anunciou como destaques a conclusão da aquisição da Luna Gold, a captação de US$ 61,4 milhões através da colocação privada de títulos e financiamento, a confirmação da extensão da mineralização ao longo das reservas existentes em Aurizona, a confirmação de duas concessões em Warintza (no total de 26.77 hectares), e um caixa de investimentos de curto prazo no valor de US$ 85,7 milhões. 
 
A aquisição da Luna Gold foi completada em março, dando origem à Trek Mining, que incorporou os ativos da mina de ouro Aurizona, que pertenciam à Luna Gold. A Trek espera concluir o estudo de viabilidade para Aurizona em junho de 2017 e iniciar a construção no terceiro trimestre, objetivando o início de produção no final de 2018. Espera-se que Aurizona produza 150 mil onças de ouro anualmente durante os cinco primeiros anos de produção. Atualmente estão sendo realizadas atividades de desenvolvimento para testar tanto os alvos próximos à mina quanto no distrito. 
 
Nos outros projetos da Trek Mining o ramp up de produção na mina Koricancha, no Peru, continua, tendo sido produzidas 2 mil onças de metal no primeiro trimestre de 2017. A companhia também expandiu o projeto Warintza, no Equador, com duas novas concessões de exploração, além das três já anunciadas em janeiro de 2017.