09/02/2017
ROCHAS ORNAMENTAIS

Italianos apresentam tecnologias inovadoras

Um grupo de 20 profissionais de diversos países da América Latina, como Argentina, Brasil, Colômbia, Equador e México participarão, entre os dias 12 e 16 de fevereiro, doItalian Stone Experience in South America, um curso de formação promovido pela ITA - Italian Trade Agency, agência de governo responsável pela internacionalização das empresas italianas, em colaboração com a Confindustria Marmomacchine -Associação Italiana dos Fabricantes de Máquinas, Produtos e Serviços para a Indústria de Rochas Ornamentais. O evento acontece no Espírito Santo e conta com a participação das empresas Atlas Copco, Breton, Co.Fi.Plast, Dellas, Pedrini, Pellegrini, Protrade-Barsanti, Simec e U.SA.DI. Na ocasião serão apresentadas as mais inovadoras tecnologias italianas para o setor de rochas ornamentais. As fabricantes apresentarão soluções tecnológicas de vanguarda, algumas das quais já presentes no parque industrial do estado. Também realizarão encontros individuais com os empresários latino-americanos durante a Vitória Stone Fair – Marmomacc Latin America, maior evento do setor no continente e porta de entrada para o mercado das Américas.

O Italian Stone Experience in South America tem curadoria de Paolo Marone, engenheiro civil formado pela Universidade de Nápoles, especializado na lavra, beneficiamento e instalação de rochas ornamentais e presidente do IS.I.M. - Instituto Internacional do Mármore, entidade ligada à Confindustria Marmomacchine. “O Espírito Santo é uma referência na América Latina na aplicação de tecnologias italianas no setor e a iniciativa tem o objetivo de mostrar aos empresários latino-americanos as mais inovadoras e sustentáveis soluções para lavra e beneficiamento de rochas ornamentais, entre os quais sistemas de corte multifio de elevada produtividade e que permitem um menor consumo do fio diamantado, além de tecnologias para recuperação/emprego de resíduos, uma das principais preocupações da indústria mundial do setor”,explica Erica Di Giovancarlo, diretora da ITA-Italian Trade Agency para o Brasil.

A programação inclui visitas técnicas a mineradoras, onde os participantes verão instalados o maior parque de teares multifios do mundo - desenvolvido pela italiana Pedrini spa -, bem como o Paragon, tear multifio desenvolvido pela Breton, inédito no Brasil. Os participantes do curso de formação também assistirão à apresentação dos resultados das pesquisas realizadas pelo IS.I.M e pelo Núcleo Regional do Espírito Santo do CETEM (Centro de Tecnologia Mineral), em matéria de recuperação e reutilização dos resíduos da indústria de mármores e granitos e sua aplicação em diferentes setores da indústria.

A parceria entre Brasil e Itália no setor de rochas ornamentais cresceu na década de 90, especialmente no Espírito Santo, uma das maiores regiões produtoras de rochas ornamentais em nível mundial. A Itália contribui para o desenvolvimento do estado na modernização e ampliação da indústria capixaba.Em 2015, os italianos responderam por 26% das importações brasileiras de máquinas e produtos para a indústria de rochas ornamentais, o que representou 163 milhões de euros. 

Veja também

18/09/2017
TECNOLOGIA | A mina totalmente conectada
18/05/2017
TECNOLOGIA | Câmara alemã debate indústria 4.0
11/05/2017
ROCHAS ORNAMENTAIS | Estudo sobre destino adequado aos resíduos
03/05/2017
TECNOLOGIA MINERAL | MME e Cetem selam acordo de cooperação
06/04/2017
AUTOMAÇÃO | ABB adquire austríaca B&R