22/11/2017
OURO

Cabral Gold capta US$ 1,5 milhão para Cuiú-Cuiú

A Cabral Gold desenvolve o principal projeto denominado Cuiú-Cuiú na região de Tapajós (PA), muito próximo ao projeto Tocantinzinho, da Eldorado Gold. Segundo estudos e pesquisas, Cuiú-Cuiú tem recursos da ordem de 1,5 milhão de onças de ouro a partir de minério com 1,2 gramas de ouro por tonelada. Esses recursos se baseiam em 26 mil metros de sondagem.

A empresa tem Alan Carter como CEO e estreou na Bolsa de Valores de Toronto (TSX) no início de novembro. Porém, antes da estreia na TSX, a Cabral Gold realizou colocação de ações, sem intermediários, e venda de opções de compra para levantar cerca de R$ 10,7 milhões. Apenas na terceira parcela de captação, no final de outubro, a companhia captou quase US$ 1,5 milhão pela cotação atual. Os recursos serão aplicados no desenvolvimento do projeto Cuiú-Cuiú.

O projeto paraense consiste em vários depósitos de ouro em zonas de cisalhamento que ocorrem em rochas graníticas dentro de um Complexo com o mesmo nome da região de Tapajós.