11/07/2019
OURO

Yamana produz acima do planejado

A Yamana Gold produziu 257.556 onças de ouro equivalentes no 2º trimestre de 2019. A produção excedente e custos preliminares ficaram dentro da faixa prevista para os três meses. A companhia confirma a expectativa de um forte 2º semestre para manter-se de acordo com as projeções para 2019. 
 
A empresa espera que o fluxo de caixa livre positivo aumente no segundo semestre do ano, uma vez que os resultados operacionais serão auxiliados por reduções recentemente anunciadas de despesas gerais e administrativas e menores despesas com juros devido à redução antecipada da dívida. A companhia também terá menos investimentos em estoques de longo prazo após a distribuição da mina de Chapada. 
 
A produção de ouro e prata ficou acima do planejado para os três meses. A produção aurífera atingiu 232.863 onças de ouro equivalentes, enquanto a de prata somou 2.171.836 onças. A mina de Jacobina alcançou seu 11º mês consecutivo de produção superior de 30 mil onças de ouro e o 2º trimestre seguido de produção recorde. A mina continua a emergir como uma operação líder em produção, custos e segurança. A Canadian Malartic, a Cerro Moro e a El Peñón registraram fortes resultados no trimestre, ressaltando o foco da empresa na excelência operacional e eficiência. A produção da Minera Florida foi impactada por um período de produtividade reduzida durante o trimestre, quando a Yamana negociou novos acordos coletivos com vários sindicatos. Em Chapada, a produção de ouro excedeu o planejado e a produção de cobre ficou em linha com o estimado, principalmente como resultado do acesso a minérios na jazida Corpo Sul, na classe de reserva mineral para cobre, embora com maior teor de ouro.

Veja também