31/01/2019
VÍTIMAS

Vale anuncia doação para famílias

A Vale anunciou doação de R$ 100 mil para cada uma das famílias das vítimas do acidentes, independente de serem ou não de empregados da empresa. A mineradora inicia dia 31 de janeiro, a partir das 14h, o registro das pessoas responsáveis a receber a quantia destinada às famílias que tiveram entes falecidos ou desaparecidos em função do rompimento da Barragem I da mina Córrego do Feijão, em Brumadinho (MG).

O atendimento será feito das 14h às 18h no primeiro dia e das 8h às 18h nos demais dias, prioritariamente na Estação Conhecimento de Brumadinho. Haverá também um segundo ponto, no Centro Comunitário Feijão. Estão aptos a receber a doação representantes de empregados da Vale, de trabalhadores terceirizados e de pessoas da comunidade falecidos ou desaparecidos, conforme lista oficial validada pela Defesa Civil e disponibilizada no site www.vale.com/brumadinho.

A Vale informou ainda a contratação de uma equipe de psicólogos do Hospital Israelita Albert Einstein, que inclui especialistas em trauma, luto e catástrofes. Os profissionais vão se unir a 100 membros de saúde da empresa que estão em Brumadinho, prestando auxílio às famílias dos atingidos.

Mesmo com a paralisação das atividades da mina Córrego do Feijão, a Vale vai manter o pagamento da Compensação Financeira pela Exploração Mineral (CFEM) ao município de Brumadinho. "A cidade de Brumadinho não vai perder nenhum royalty", informou a empresa, acrescentando que a arrecadação do município no ano passado foi de aproximadamente R$140 milhões.

Veja também

14/02/2019
BRUMADINHO | Vale inicia doação para moradores
14/02/2019
BARRAGEM DE BRUMADINHO | Vale nega aumento do nível de água
06/02/2019
MINERAÇÃO | AMIG quer a Vale operando
06/02/2019
COMPLEXO VARGEM GRANDE | Vale decide antecipar suspensão
06/02/2019
PARAOPEBA | Membranas de proteção já operam