02/08/2018
AÇO

Produção mundial cresce 4,6%

Segundo números divulgados pela World Steel Association (WSA), a produção global de aço bruto alcançou 881,5 milhões de toneladas entre janeiro e junho de 2018, um crescimento de 4,6% sobre o mesmo período de 2017. A Ásia produziu 613,9 milhões de toneladas de aço bruto, um aumento de 5,2% em relação ao primeiro semestre de 2017. A União Europeia produziu 87,3 milhões de toneladas no primeiro semestre de 2018, alta de 1,6% em relação ao mesmo período de 2017, enquanto a América do Norte produziu 59 milhões de toneladas no período, um aumento de 2,4% em relação ao primeiro semestre de 2017. A CEI produziu 50,5 milhões de toneladas de aço bruto nos primeiros seis meses de 2018, um aumento de 2,8% em relação aos mesmos meses de 2017.

A produção de aço bruto da China para junho de 2018 foi de 80,2 milhões de toneladas, um aumento de 7,5% em relação a junho de 2017. O Japão produziu 8,8 milhões de toneladas de aço bruto em junho de 2018, um aumento de 4,2% em junho de 2017. A Índia produziu 8,7 milhões de toneladas de aço bruto em junho de 2018. um aumento de 7,4% em relação a junho de 2017. A produção de aço bruto da Coreia do Sul foi de 6,1 milhões de toneladas em junho de 2018, um aumento de 3,2% em relação a junho de 2017.

Na UE, a Itália produziu 2,1 milhões de toneladas de aço bruto, um aumento de 1,5% em relação a junho de 2017. A França produziu 1,3 milhão de toneladast de aço bruto, uma queda de 4,4% em relação a junho de 2017.

A produção de aço bruto da Turquia para junho de 2018 foi de 3,0 milhões de toneladas, um aumento de 0,7% em relação a junho de 2017. A produção de aço bruto na Ucrânia foi de 1,7 milhão de toneladas este mês, um aumento de 7,5% em relação a junho de 2017.

Os EUA produziram 6,8 milhões de toneladas de aço bruto em junho de 2018, um aumento de 0,8% em relação a junho de 2017. A taxa de utilização de capacidade de aço bruto dos 64 países em junho de 2018 foi de 78,5%. Isso é 3,8% acima de junho de 2017. Em comparação com maio de 2018, é 1% maior.