22/02/2017
MINÉRIO DE FERRO

Processo do Cetem agrega valor às lamas

O CETEM informa que está desenvolvendo estudos de processo para agregar valor às lamas de minério de ferro utilizando flotação em colunas com aplicação de coletores não convencionais. Os resultados obtidos até agora, em escala piloto, “se mostram muito promissores, alcançando recuperação de até 90% do ferro contido nas lamas, partindo de uma alimentação de 45% Fe e produzindo concentrados com teor de Fe de até 60%, caracterizando um pellet feed superfino, sem necessidade de moagem adicional, portanto implicando em menor consumo de energia. Esse novo produto comercializável apresenta ainda alta superfície específica, um atributo desejável na fabricação de pelotas”, informa o Cetem.

Em escala industrial o processo pode possibilitar a obtenção de uma tonelada a mais de pellet feed para cada quatro toneladas de concentrado de flotação normalmente produzido, além do ganho expressivo em termos ambientais e de segurança, já que apenas metade das lamas – que é o material mais crítico para estabilização – deixará de ir para as barragens de rejeitos. Isto equivale a 10% de todo o material que normalmente é enviado para disposição nas barragens.

Veja também

12/06/2019
MINÉRIO DE FERRO | Cadence adquire 27% de projeto no Amapá
05/06/2019
BARRAGENS | Vale reduz alerta em Vargem Grande
23/05/2019
BARÃO DE COCAIS | Medidas de emergência em Gongo Soco
15/05/2019
MINÉRIO DE FERRO | Vale investe em processamento a seco
15/05/2019
BARRAGENS | CSN fará descomissionamento