07/03/2018
CANADA

Governo renova incentivo para a mineração

O governo canadense decidiu renovar por mais um ano, até 2019, o Mineral Exploration Tax Credit (METC), um incentivo fiscal às atividades de exploração mineral no país, que foi criado e 2000 e que é considerado como uma ferramenta crítica para apoiar o fluxo de capital necessário para financiar os projetos de exploração mineral.

A medida foi confirmada por Kim Rudd, Secretária Parlamentar para o Ministério de Recursos Naturais, durante a abertura da convenção PDAC 2018, que se realiza em Toronto, de 4 a 7 de março.

A renovação do METC foi comemorada pelo presidente da PDAC, Glenn Mullan, para quem sem o incentivo “haverá menos exploração, menos descobertas de minerais e menos benefícios econômicos gerados pela indústria para os canadenses”. A entidade havia pleiteado a renovação pelo período de três anos, mas o governo aprovou apenas um ano.

Além do anúncio da renovação do incentivo, Kim Rudd reafirmou a importância da mineração, que segundo ela “é vital para uma economia mais verde no futuro, proporcionando minerais como cobre, níquel e cobalto, que vão sustentar a produção dos veículos elétricos”.

Ela também anunciou a adoção de um novo marco legal para promover uma mudança nas relações entre mineradores e comunidades indígenas e estabelece maior responsabilidade na conduta das empresas.

E, por fim, disse que o governo aprovou o maior investimento em ciência e tecnologia da historia, com o objetivo de promover o desenvolvimento sustentável dos recursos naturais.