17/05/2018
OURO

Demanda cai 7% no primeiro trimestre

Segundo dados da Metals Focus; GFMS, Thomson Reuters; World Gold Council, a demanda de ouro somou 973,5 toneladas no primeiro trimestre de 2018, uma queda de 7% na comparação com o mesmo período de 2017. Esta é a menor demanda desde os três meses iniciais de 2008. A principal causa foi a queda na demanda de investimento por barras de ouro e ETFs lastreados em ouro, em parte devido aos preços do metal.

A demanda por joias manteve-se estável, em 487,7 toneladas, com os mercados da China e Estados Unidos compensando o recuo da demanda da Índia. Os bancos centrais compraram 116,5 toneladas de ouro, 42% a mais que no mesmo trimestre de 2017. A demanda por tecnologia ampliou sua recente tendência de alta, crescendo 4%, para 82,1 toneladas. A oferta total de ouro aumentou em 3%, para 1.063,5 toneladas, principalmente devido a um aumento modesto na cobertura do produtor. A produção de minas foi ligeiramente superior em 770 toneladas.

Veja também

29/11/2018
JUPITER GOLD | Resultados positivos em Paracatu
01/11/2018
EQUINOX GOLD | Concluída aquisição da Mesquite Gold
01/11/2018
GARIMPO | Aripuanã, a nova Serra Pelada?
25/10/2018
AURA MINERALS | Suspensão de operação em Honduras
11/10/2018
METAIS PRECIOSOS | Cetem oferece curso de refino