22/12/2017
MAPEAMENTO GEOLÓGICO

CPRM conclui estudo no extremo sul gaúcho

O Serviço Geológico do Brasil (CPRM) finalizou mapeamento geológico do extremo sul do Rio Grande do Sul, região que engloba total ou parcialmente as cidades de Pedras Altas, Pedro Osório, Canguçu, Turuçu, Jaguarão, Pelotas, Piratini, São José do Norte, Cerrito, Rio Grande, Santa Vitória do Palmar, São Lourenço do Sul, Herval, Arroio Grande, Arroio do Padre, Capão do Leão, Morro Redondo e Pinheiro Machado. O trabalho de cartografia geológica foi executado em uma área de 15.600 km² e o produto final apresentado em seis mapas geológicos na escala 1:100.000 e em um mapa integrado em escala 1:250.000.
 
O levantamento delimitou o chamado Terreno Jaguarão, bloco tectônico situado na região anteriormente compreendida como a porção mais meridional do Batólito Pelotas no Escudo Sul-Rio-Grandense. O Terreno Jaguarão continua no Uruguai e tem possível ligação com a África antes da abertura do Oceano Atlântico. 
 
Desenvolvido pela Superintendência Regional da CPRM de Porto Alegre, o projeto identificou áreas com potencial para minerais metálicos, a serem melhor investigadas em projetos futuros na região. Os mapas estão disponíveis no GeoSGB, banco de dados, informações e produtos do CPRM.