20/03/2017
EXPLORAÇÃO MINERAL

Como trazer de volta os investimentos?

O que fazer para ampliar a atração de investimentos para o setor de exploração mineral no Brasil? É o que estará sendo discutido no evento promovido pela ABPM (Associação Brasileira das Empresas de Pesquisa Mineral), no dia 22 de março, no Quality Hotel, em Brasília, e que está com as vagas praticamente esgotadas, tendo em vista o grande número de interessados.

Temas como Legislação Mineral, Incentivo e Tributação, Licenciamento Ambiental e Meio Ambiente e Atração de Investimentos estarão sendo discutidos por autoridades e empresários, dentre os quais Elmer Prata Salomão (ABPM), Vicente Lobo Cruz (SGM/MME), Victor Hugo Bicca (DNPM), Virgílio Borba (Ibeas), Luiz Antonio Vessani (ABPM), Miguel Nery (ABDI), Fernando Nóbrega (MME), Gilberto Calaes (Consultor), Jones Belther (ABPM), Jonatas Trindade (Ibama), Cosette Silva (Natturis), Luis Azevedo (ABPM), Felipe Alves (Frontera), Randal Terada (consultor), dentre outros.

De acordo com o presidente da ABPM, Luis Maurício Azevedo, este é o momento certo para que o País possa discutir como voltar a ser atrativo aos investimentos e que medidas devem ser adotadas pelo governo para trazer de volta as empresas que realizam investimentos de risco na exploração mineral. Segundo ele, o Brasil já chegou a ter quase 60 junior companies listadas na bolsa do Canadá atuando no Brasil e hoje o número é menor do que 30. Ou seja, caiu pela metade. A proposta é que as discussões durante o evento gerem como resultado um documento, que deverá se chamar “Carta de Brasília”. Para inscrição e maiores informações sobre o programa, contate secretaria_exec@abpm.net.br

Veja também

25/10/2018
EVENTOS | Ibram promove 4º.prêmio de SST
11/10/2018
EXPOSIBRAM | Ibram realiza pesquisa sobre temas
11/10/2018
EXPLORAÇÃO MINERAL | Adimb anuncia cursos inovadores
13/09/2018
SUSTENTABILIDADE | DPI realiza Workshop Multi-Stakeholder
13/09/2018
MÁQUINAS & EQUIPAMENTOS | Abimaq debate desenvolvimento do setor
05/09/2018
ENCONTRO TÉCNICO | Brasil Mineral discute rejeitos e automação