18/10/2018
LÍTIO

BMIX avança em projeto mineiro

A Brazil Minerals (BMIX) Inc. obteve permissão para explorar seu projeto Lítio de 288 acres na região de Salinas, no estado de Minas Gerais. Com a nova fase do projeto, a BMIX continuará a campanha de estudo do solo que pretende concluir no 1º trimestre de 2019. 
 
O projeto da BMIX está localizado em um distrito de mineração que foi extensivamente pesquisado pela Companhia de Pesquisa de Recursos Minerais (CPRM), financiado pelo governo, e escolhido para altos níveis de mineralização de lítio. No local, os depósitos de lítio identificados estão associados a formações pegmatíticas e à mineralização de lepidolita, petalita e espodumênio. Lucas Cordeiro Diniz, engenheiro de minas da companhia, comentou: “Além dos fortes resultados da CPRM, existem operações de mineração de lítio em áreas próximas à da Brazil Minerals. A demanda global por lítio está crescendo rapidamente, estimulando um forte interesse por novos depósitos”. 
 
Marc Fogassa, CEO da BMIX, comentou: “O anúncio de hoje é um marco importante para permitir que a Brazil Minerals avance em seu projeto de lítio. O outro projeto estratégico que temos, como divulgado anteriormente, é em cobalto. Vemos nossos projetos de cobalto e lítio como investimentos potencialmente de alto retorno para nós, já que novas áreas com mineralização de lítio ou cobalto são raras ”.
 
A Brazil Minerals construiu um portfólio de direitos minerais de alta qualidade (o “BMIX Mineral Bank”) e continua a adicionar áreas metodicamente. A empresa avalia e prioriza regularmente seus esforços de pesquisa em tais propriedades e utiliza sua própria equipe e equipamentos para perfuração.