07/06/2017
USIMINAS

60 anos de acordo com Japão

No último dia 3 de junho a Usiminas celebrou 60 anos da assinatura do acordo Lanari-Horikoshi, que formalizou o compromisso da participação japonesa na construção da Usiminas. O empreendimento foi fundamental para a concretização do sonho de industrialização capitaneado por Juscelino Kubitschek e se tornou o primeiro investimento externo em grande escala do Japão após a 2ª Guerra Mundial. 
 
Até a assinatura do acordo foi necessário mais de um ano de negociações. O documento foi batizado com os sobrenomes de Amaro Lanari Júnior e Teizo Horikoshi, que lideraram missões japonesas ao Brasil para viabilizar o projeto. Posteriormente, Lanari se tornou presidente da companhia, entre 1958 e 1976, e Horikoshi presidiu a Nippon Usiminas, empresa criada para facilitar e intermediar os investimentos japoneses na siderúrgica mineira.
 
“Hoje a Usiminas é composta por três grandes forças: brasileiros, japoneses e ítalo-argentinos, aliando trabalho em equipe, tecnologia e visão de negócios para reforçar a empresa no patamar de referência no mercado de aços planos e líder do segmento no país”, afirma o presidente da Usiminas, Sergio Leite. 
 
O Governo brasileiro forneceu capital necessário na época à construção da primeira siderúrgica mineira, por meio do então Banco Nacional do Desenvolvimento Econômico (BNDE), atual BNDES. Em contrapartida, os japoneses, através de um grupo privado liderado pela acionista Nippon Steel & Sumitomo Metal Corporation (na época, Yawata Iron and Steel), formado por produtoras de aço e fabricantes de máquinas e equipamentos, completou o investimento junto ao governo do país, que viu na oportunidade um passo importante em seu processo de recuperação pós-guerra. Com isto, a Usiminas nasceu em 1958 como empresa de capital misto (60% brasileiro e 40% japonês), que dali a quatro anos passou a fornecer, por meio da Usina Intendente Câmara, em Ipatinga (MG), produtos para cobrir a demanda nacional das indústrias naval, automobilística, de base e mecânica pesada. 

Veja também